Post

Entenda mais sobre o esporão.

Uma dor no calcanhar ou sola do pé, parecida com uma agulhada, pode ser o primeiro sintoma de um esporão. Conheça mais e saiba o que fazer nesse caso.

08/12/2021 19:51:18
Twitter     Facebook     Google     Linkedin
Entenda mais sobre o esporão.

O que é esporão?

Esporão é o nome de um crescimento ósseo anormal na parte inferior do calcâneo, localizado no osso do calcanhar ou sola do pé.

O calcâneo é o maior osso da anatomia do pé, responsável pela sustentação do corpo e suportando impactos constantes e diretos. Quando há microfraturas e inflamação desse osso, a calcificação dos tecidos é intensificada, se transformando no esporão.


Quais são os principais sintomas?

O maior incômodo para quem sofre de esporão é a dor no calcanhar ou na sola do pé. Quando em repouso, a pessoa pode não sentir nenhum desconforto, porém, ao se levantar e apoiar o peso do corpo sob o pé, sente uma forte dor na região que se assemelha com “agulhadas”.

Além das dores, inchaço e vermelhidão no local também são alguns dos sintomas.


Como é feito o diagnóstico?

É possível detectar a presença de alguma alteração óssea através de um raio-x ou, em alguns casos, por uma ressonância magnética. É muito importante procurar um médico especialista para que sejam avaliados os sintomas e resultados de exames para distinguir o esporão de outras enfermidades.


O que pode causar o esporão?

Não há uma causa especificamente conhecida, mas sabe-se que alguns fatores facilitam o desenvolvimento dessa doença, como:

  • Prática de esportes com impacto elevado do pé no chão (dança, corrida, saltos, ballet);

  • Calçados inadequados (sapatos apertados, deformados ou com salto muito alto);

  • Pisada desajustada;

  • Permanecer muitas horas em pé;

  • Obesidade.


Como tratar o esporão?

Alguns cuidados iniciais podem ser recomendados para amenizar as dores como o uso de sapatos macios, alongamentos e fisioterapia.

O uso de palmilhas específicas é uma ótima estratégia para diminuir a pressão do peso do corpo na região afetada. Ela deve ser recomendada por um ortopedista especialista.

As medicações só devem ser utilizadas se forem recomendadas por um profissional, capaz de prescrever o remédio correto após o diagnóstico para conter as inflamações e inchaços na região do esporão. A automedicação nunca deve ser uma opção.


Esporão tem cura?

Por meio de um tratamento conservador é possível obter resultados satisfatórios, que reduzem a inflamação e aliviam as dores na fase aguda. É fundamental que você siga as recomendações médicas com repouso, compressas e elevação do membro que está comprometido.

Em últimos casos - e mais raros -  para eliminar de vez o esporão no calcâneo, recomenda-se a cirurgia para remoção da saliência óssea.


-----------------------------------------------------------------------------------
Dr. Gustavo Maximiano



Comentários